Pessoas altas têm vantagem para calcular distância

Segundo uma pesquisa da Revista Science, os grandões tem mais facilidade para precisar a distância exata de um objeto quando comparado aos mais baixos

  
  
A conclusão dos pesquisadores foi a de que as pessoas mais altas ficam com um ângulo melhor para observar a distância do objeto do local onde ele está

Quem pensa que ser alto só ajuda para ver um show está muito enganado. Pesquisa publicada na Revista Science, nesta semana, identificou mais uma vantagem para os grandões, tudo isso por conta da forma como eles enxergam o mundo e conseguem julgar as distâncias com os olhos.

Para calcular a distância de um objeto, o cérebro se baseia em pistas aprendidas ao longo do tempo, permitindo definir a profundidade dos objetos. Nesta percepção, são levadas em conta tamanho dos objetos, textura, altura, entre outros elementos.

Para fazer o teste, pesquisadores utilizaram um quarto escuro como forma de eliminar as interferências do ambiente. Com isso, jogaram uma bola de pingue-pongue e os voluntários tinham que adivinhar qual a distância que as bolas tinham ido.

Para os locais a mais de três metros de distância, as pessoas mais altas foram melhores em identificar com precisão a distância da bola. O mesmo teste foi feito em outros ambientes e os indivíduos mais altos também se saíram melhor.

A conclusão dos pesquisadores foi a de que as pessoas mais altas ficam com um ângulo melhor para observar a distância do objeto do local onde ele está. Desta forma, o cérebro produz um mapa interno processando a distância do objeto com maior precisão.

  
  

Publicado por em